POLICIAIS DO DEOESP TRABALHAM EM LOCAL INADEQUADO

A Chefia da Polícia Civil errou ao instalar o Departamento de Operações Especiais - DEOESP no imóvel na orla da Lagoa da Pampulha, onde funciona desde abril. Esta foi a conclusão da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Minas Gerais da Assembleia Legislativa, em visita ao local na manhã desta terça-feira (4/12/18), a requerimento do deputado Sargento Rodrigues. O objetivo era verificar a estrutura física, o aparelhamento logístico e de pessoal da unidade.

A Comissão foi recebida pelo Delegado Hugo Malhano, chefe do DEOEP, que mostrou as instalações aos deputados e falou sobre os problemas do local. “Apesar de a localização ser muito boa, a estrutura não é adequada, principalmente em relação ao espaço físico. Viemos para cá de forma temporária, até um imóvel mais adequado ser disponibilizado. Fizemos este levantamento e identificamos a antiga sede do GATE, na Av. Teresa Cristina. Lá pertence ao Departamento de Estradas e Rodagens. Feitas as devidas adaptações, com um custo estimado em R$ 400 mil, seria a sede perfeita para o DEOESP. Agora precisa o governo disponibilizar a verba”, explicou.

Sargento Rodrigues manifestou a sua indignação ao ver as condições que estão trabalhando. Em uma sala de aproximadamente 3m², treze policiais dividem o espaço; em outra, são vinte e um servidores. Onde funciona a delegacia de eventos, encontraram fiação exposta e goteiras. No estacionamento, os veículos ficam estacionados uns atrás dos outros, inviabilizando uma saída rápida das viaturas em caso de necessidade. Não há sequer um alojamento para os policiais de plantão. “Eles estavam muito bem acomodados na Nova Gameleira e foram parar numa edificação minúscula, sem as condições adequadas para o trabalho que desempenham! O DEOESP é uma unidade de pronta resposta, que investiga crimes que extrapolam, inclusive, os limites de Minas Gerais, e que não pode ficar entregue à própria sorte”, afirmou o deputado.

Após a visita, Sargento Rodrigues, presidente da Comissão, afirmou que será produzido um relatório detalhado apontando as falhas e problemas na estrutura, e cobrando do governo que providências urgentes sejam tomadas. A principal tarefa do Deoesp é investigar e promover operações contra grupos criminosos organizados e mais violentos. “É um departamento que merece uma atenção especial do Chefe de Polícia Civil, do Secretário de Segurança e do Governador, pela natureza do trabalho que desempenha. Eles precisam sair detrás de suas mesas e virem aqui, pessoalmente, para entenderem do que estamos falando", lembrando que o valor estimado para adaptar o imóvel citado pelo Dr. Hugo é totalmente viável para o Governo.

Representantes do Sindicato dos Delegados e do Sindicato dos Servidores da Polícia Civil de Minas Gerais acompanharam a visita e reforçaram as demandas identificadas pela Comissão.

Voltar
Ações Sargento Rodrigues

GABINETE

Rua Rodrigues Caldas, 79 | Edifício Tiradentes
5º andar | Sala 2 | Bairro Santo Agostinho
Belo Horizonte/MG | CEP: 30190-921
Tel: 31 2108-5200 | Fax: 31 2108-5201

Será um prazer receber sua mensagem e agradecemos a sua participação. Aproveite e cadastre-se para receber em seu e-mail as últimas notícias sobre o mandato do deputado Sargento Rodrigues.