Criminosos atiram em quartel e monitoram casas de PMs durante explosão a banco em Rio Pardo de Minas

Criminosos explodiram um banco em Rio Pardo de Minas, na madrugada desta quinta-feira (8). De acordo com informações da Polícia Militar, cerca de 15 homens participaram da ação e se dividiram em três grupos. Um ficou em volta do quartel da PM atirando, outro permaneceu monitorando as casas dos policiais, enquanto o restante da quadrilha explodia a agência bancária.

A ação simultânea durou 45 minutos. Um dos tiros acertou a parede do quartel e cinco disparos atingiram uma viatura. Ninguém ficou ferido e quatro pessoas foram presas na manhã desta quinta.

Segundo a polícia, a parte externa da agência ficou danificada e o local foi isolado até a chegada da perícia. O valor levado não foi divulgado.

A quadrilha fugiu em carros e motocicletas por uma estrada vicinal e quatro integrantes já foram presos pela Polícia Militar, que fez cerco bloqueio em várias locais, que dão acesso a Rio Pardo de Minas. Segundo a PM, eles foram localizados em um carro na MG-404, que liga Taiobeiras a Salinas. Uma mulher está entre os detidos.

Dentro do veículo, os militares apreenderam várias cédulas de dinheiro, mas o valor não foi divulgado. Ao serem questionados, eles negaram o crime e entraram em contradição. O veículo e o dinheiro foram apreendidos, e, serão encaminhados à delegacia de Rio Pardo de Minas, junto com os suspeitos.

A polícia continua em rastreamento para localizar o restante da quadrilha.

Por G1 Grande Minas

NOTÍCIAS IMPORTANTES